PAZ - A volta triunfal de JESUS - ALZIRO ZARUR.wmv

PAZ - Os ciclos da vida - ALZIRO ZARUR - Gotas de Luz.wmv

PAZ - Jesus derrotou a morte - Gotas de Luz - ALZIRO ZARUR.wmv

PAZ - AZ começou sozinho com a LBV - Gotas de Luz - ALZIRO ZARUR.wmv

PAZ - A Religião de Deus - ponto 5 - ALZIRO ZARUR.wmv

PAZ - Apocalipse (Parte 11)

Chave 15 (8 Parte) - Anti-Cristo... Seu Domínio Mundial... Do li.wmv

PAZ - Líderes não existem - Gotas de Luz - ALZIRO ZARUR.wmv

PAZ - Síntese Final (documento mais avançado da Terra)-ALZIRO ZARUR.wmv

PAZ - Como vencer a morte - Gotas de Luz - ALZIRO ZARUR.wmv

PAZ - A Pedra Filosofal - Gotas de Luz - ALZIRO ZARUR.wmv

PAZ - A opinião de Kardec - (ponto 2) - ALZIRO ZARUR.wmv

Evangelho Mateus Cap18 -15a35 - Parte 01(Alziro Zarur).wmv

King of kings.wmv

A Síntese Final do Novo Mandamento - Alziro Zarur.wmv

PAZ - Saulo de Tarso ( o 1º convertido) - (Atos: IX: 1-22) - ALZIRO ZAR...

PAZ - Não duvidar (Não sejamos Tomé) - Gotas de Luz - ALZIRO ZARUR.wmv

PAZ - Todos são cristãos - ALZIRO ZARUR - Gotas de Luz.wmv

PAZ - JESUS é a pedra angular - Gotas de Luz - ALZIRO ZARUR.wmv

PAZ Comunismo Divino e Comunismo Materialista ALZIRO ZARUR

PAZ - A Lei de DEUS - Gotas de Luz - ALZIRO ZARUR.wmv

SPARTACUS Soundtrack

Rózsa conducts Rózsa "Fanfare to Prelude" from "Ben-Hur"

The Ten Commamdments(1957) - Prelude(MainTitle Music)

QUO VADIS(1951) - Prelude

EL CID - Selections from the New CD Recording

EXODUS: Ernest Gold - "Prelude"

Egypt - Music: Sinuhe, The Egyptian

PAZ - O PARÁCLITO ESTÁ DENTRO DE NÓS-ALZIRO ZARUR - Gotas de Luz.wmv

PAZ - O cuidado na educação - ALZIRO ZARUR - Gotas de Luz.wmv

PAZ - Deus se revela a. . . - ALZIRO ZARUR - Gotas de Luz.wmv

PAZ - Novo Mandamento só para os que merecem - ALZIRO ZARUR - Gotas de l...

PAZ - Nos últimos dias. . . (Chave 18-Parte 2) - ALZIRO ZARUR.wmv

POEMAS DA ERA ATÕMICA

                                                      
POEMA DO AMOR SEM ALMA

I

Sabia-se formosa (e, de fato, ela o era)
E desse hostil poder Leviana abusava:
Olhava da alto abaixo o espelho, e se extasiava
Ante o próprio esplendor do seu corpo-quimera.

Sadicamente má, antegozava, à espera:
Mais um homem que vinha. . . Outro, após, se ajoelhava.
Iludia sem dó. . .Sem dó martirizava.
Divertiu-se a valer essa divina fera!

Mas, uma dia, não sei por que desígnio incrível
A um Dom João qualquer, sem motivo plausível
Leviana escravisou-se, inerme, inofensiva.

E quando investiguei, com olho de Nordau,
Descobri, facilmente, a causa decisiva:
Ele era um homem mau, completamente mau.

II

"Contemplo-te, Leviana, assim radiosa,
Em plena sedução primaveril,
Nessa graça diabólica e sutil
Que à luz do sol parece vaporosa.

És requintadamente feminil,
Felinamente voluntariosa.
Expressão de beleza luxuriosa,
Como raras eu vejo no Brasil!

Não mentirei, Leviana sedutora:
Para mim, és a mais encantadora
Imagem viva da fatalidade.

Mas Alma, Espírito, isso é que não trazes:
És toda carne, apenas carne. E fazes
Da vida um poema de sexualidade!"

III

"Eu canto a mulher nua, em toda a graça,
Na estética ideal dos seus contornos;
Também traduzo os seus afagos mornos,
Quando bebo do amor em sua taça.

Não sei se ela é ventura, se é desgraça,
Se é inferno humano a se entreabrir em fornos:
Sei que enlouqueço vendo-a sem adornos,
Quando eu a beijo e quando ela me enlaça.

Compreendo o amor assim: o complemento
Do meu corpo é o corpo dela. E, pois, sentir
Da carne os gozos é obra de um momento!

Então, quando a possuo, espiritual
Logo me torno, na ânsia de subir
Os sete céus do santo Amor Total".

IV

"Quem me dera, Leviana, quem me dera
Poder sorver-te a vida com mil beijos,
Na violenta erupção dos meus desejos,
Violentíssima, embora, mas sincera!

De um novo amor inéditos arpejos
Eu te daria, com ânsias de uma fera:
Possuir-te assim, amor, para mim, era
O sonho ideal de todos os ensejos.

Acariciar-te-ia o corpo lindo:
Minhas mãos subiriam, indo e vindo,
Em frêmitos e ardores incontidos.

Depois, feliz, consciente do que sou,
Ouviria de ti, entre gemidos:
- Como tu, meu amor, ninguém me amou!"

V

- Mulher de formas tão maravilhosas,
Que monopolizaram a beleza:
Tens o perfume ideal de rubras rosas
Nestas carnes de esplêndida rigeza!

- Fulgura, em minhas carnes vigorosas,
Do sexo triunfal a luz acesa. . .
- Quero beijar as pomas deliciosas
Deste colo divino, ó doce presa!

- Não vês que, com teus beijos, tu me excitas,
E me transtornas, e me febricitas
A Alma, que vai aos rumos celestiais?

- Não me digas, Leviana, que tens Alma,
Se queres que eu mantenha a minha calma:
Eu amo é a tua carne - nada mais!

VI

"Perdoa-me, Leviana, se magoei
Tua carne satânica e amorável,
Com a selvageria formidável
De macho egoísta e mau com que te amei.

Antes culpa ao teu corpo incomparável
O vandalismo com que te beijei,
Mordendo-te, arranhando-te, nem sei,
Na violência da posse memorável.

Perdoa-me: uma noite assim, querida,
Supre toda a miséria desta vida,
E quase me parece que é miragem.

Porque, Leviana, odeio o formalismo:
Eu só compreendo o amor-primitivísmo,
Só sei amar assim, como um selvagem!"

VII

"Quando te foste, eu tive a sensação
De que não te amaria nunca mais:
Baldados meus apelos e meus ais,
Baldada toda a minha devoção.

Deixa-te estar, perverso: o mundo é vão,
E por ti mesmo, um dia, o concluirás.
Entediado e intranquilo viverás,
Até que te arrependas com razão.

Ao meu sincero amor, sem interesse,
Não dás valor algum, e me parece
Que é por uma excessiva ingratidão!

Hás de voltar, eu sei, tenho certeza,
E eu te receberei sem aspereza,
Com a superioridade do perdão. . ."

VIII

"Leviana, crês no amor? Tu crês no meu amor?
É tarde, é findo o amor.  E como te lamento!
Apaixonada assim, nesse deslumbramento,
E o teu sonho, Leviana, é tão enganador!

Pois a amor, para mim, é a glória de um momento,
E mais belo será quanto mais breve for.
Sei bem que me odiarás: em teu peito o rancor
Fará roer-te a vida o verme sofrimento.

Que queres?  Sou no mundo um beija-flor humano,
E só por isso mesmo assim tão desumano
E sempre indiferente à tua angústia louca.

Seguindo o meu destino, inquieto, a voltejar,
Irei, de boca em boca, um novo mel sugar,
Mas não pousarei mais na flor da tua boca!"

IX

A última esperança definhara;
Por fim, conspurcadíssima, se fora.
E ali estava chorando a sofredora:
Provara o mel e o fel do amor provara.

E disse, em seu delírio: "Ah! vida ignara,
Vida maldita, vida enganadora!
O que me ofertaste? A dor devastadora.
E estraçalhaste os sonhos que eu sonhara!

Eutanásia divina, ó dom ameno,
Dá-me a beber o salvador veneno!
A vida. . . sem amor. . . que bem me importa?"

E bebeu. E na treva um homem, lesto,
Impassível, sorria ante o seu gesto.
Cambaleou. Rodopiou. E caiu morta.

X

"O falso amor da religião insana,
Divino, indissolúvel, monogâmico,
Jamais o foi, nem no período adâmico,
Para perpetuação da espécie humana.

Quem de proibir-me o livre amor se ufana?
A Natureza fez-me poligâmico,
E com prazer seria miriagâmico,
Aplacando a libido que me dana!

Monogamia é alta impertinência.
Poligamia é quase uma abstinência.
Miriagamia, sim, o amor exuma.

Ah! mulheres, tirastes-me o sossego!
Eu queria (e bem sei que a tal não chego)
Possuir-vos todas, todas, uma a uma!"

XI

"Ha muito que eu, na vida, ando à procura
De uma mulher de carne moça e quente,
Que não tenha vestígios de inocente,
Mas traços firmes de mulher impura.


Nas ânsias do  prazer deliquescente,
De procurar meu corpo se tortura
Esse outro que se lhe una com loucura,
Mas sem fingir um gozo que não sente!

Uma que diga, abrindo os braços: "Vem. . ."
E que me aperte, e beije com violência,
E gema, e ruja, bem unida amim!

Dizei-me, faunos, sátiros do Além,
Ó deuses vís dá degenerescência:
Encontrarei uma mulher assim?"

XII

Começou como todos. Aventuras,
Após mil aventuras, ele as teve.
No afã de conquistar, sempre manteve
Em plano igual as puras e as impuras.

Mas (é o destino mal, das desventuras),
Uma dia, uma paixão cruel susteve
Seu coração. Fez tudo! E não reteve
A dama que matou suas venturas.

Mulher de gelo? Seja. Uma daquelas
Que sempre vêm, terrivelmente belas.
E a quem não se compara mais nenhuma.

Para finalizar tanta vanglória,
Tornou-se um casanova sem memória.
E nunca mais amou mulher alguma.

XII

"A vida (ele dizia) é a maravilha
Das maravilhas! Vê de quanta pompa
Se adorna a vida que, admirável, brilha,
Sem que uma jaça o brilho lhe interrompa!

Na sedução sem par da humana trilha,
Minha boca há de ser eterna trompa
A cantar do prazer a seguidilha,
Por mais que a dor o coração me rompa.

Dessas mulheres todas sou o rei,
E a vida é o grande sonho que sonhei
Na sempiterna glória   do que sou!"

Naquele dia, entanto, na incontida
Dor da paixão, amaldiçoando a vida,
O galã dos torpezas se matou.



POEMA DA BATALHA ESTÉTICA

                                        David Adler, doutor em cirurgia plástica,
                                        Deus conserve e agigante esses talentos teus!
                                        No mundo em destruição, sob o signo da swástica,
                                        És colaborador da obra imortal de Deus.

                                                                  *  *  *

                                        Ao construir o Éden neste mundo,
                                        Com sua eterna e paternal ternura,
                                        Deu o Criador à humana criatura
                                        O amor da Perfeição, o amor profundo.

                                        Como bom Pai, deu toda a liberdade
                                        Aos caros filhos do seu santo amor,
                                        Para, com livre-arbítrio e destemor,
                                        Cumprirem seu destino de bondade.

                                        Mas, tal a criança que só sabe andar
                                        Com passo firme após tombos sem fim,
                                        Essas crianças adultas do Jardim
                                        Acertam sempre só depois de errar.

                                        E foi assim que vimos, com tristeza,
                                        A Humanidade entrar em decadadência,
                                        Por obra vil da degenerescência
                                        A que hoje, mais que nunca, vive presa.

                                        Disse o Apóstolo Paulo à sua coorte
                                        Que o homem apenas colhe o que semeia:
                                        Que ninguém viverá do Mal na teia,
                                        Porque o salário do pecado é a morte.

                                        Pois essa é a causa-mór dos aleijões,
                                        Na sua realidade mais atroz,
                                        Que nos legaram nossos pais e avós,
                                        Das velhas às mais novas gerações.

                                        É óbvio que não posso subscrever
                                        A teoria bestial de Barrabás
                                        ("Os filhos pagam sempre pelos pais"),
                                        Pois ninguém paga a outrem sem dever.
]
                                        Não, absolutamente! Eu acredito
                                        Que nós colhemos o que aqui semeamos.
                                        O que há é que,  em geral, nos enganamos,
                                        Moldando tudo ao nosso gabarito.

                                        Vivemos muitas vidas no planeta:
                                        E os nossos velhos erros deploráveis
                                        Trazem as consequências implacáveis
                                        À nossa vida atual, crassa e forreta.

                                        Explica-se melhor, assim também,
                                        A preleção do Apóstolo genial:
                                        Quem planta o mal há de colher o mal,
                                        Quem planta o bem há de colher o bem.


                                        Hoje, psico-somática, até a ciência
                                        Já sabe, e disso muito se envaidece,
                                        Que o pobre corpo humano só adoece
                                        Quando a alma adoeceu com antecedência.

                                        Por isso, a Humanidade molestada
                                        Pediu a Deus, o Pai benevolente,
                                        Que fizesse o milagre complacente
                                        De restaurar a forma deformada

                                        E Deus, ouvindo as preces da aflição,
                                        No extremo horror de todos os pecados,
                                        Destacou missionários abnegados
                                        Para a batalha da reparação.

                                        E, entre esses bandeirantes da piedade,
                                        Que na missão divina surpreendi,
                                        Encontrei-te a lutar, meu bom David,
                                        Contra a Hidra de Lerna da fealdade.

                                                             * * *
                                        Num mundo em destruição, sob o signo da swástica,
                                        És colaborador da obra imortal de Deus.
                                        David Adler, doutor em cirurgia plática,
                                        Deus conserve e agigante esses talentos teus!



                   
  POEMA DO MUNDO ESCRAVO  

          A Castro Alves   

Homem, ó homem, quando é que despertas?
Quando me livras? Quando te libertas
Da tua escravidão? 
Há milênios meu grito corre os ares,
Repercutindo em céus, terras e mares,
Abalando a amplidão!

Ásia, Oaceania, Europa, África e América
 Inda se embalam na visão quimérica
De um céu enganador:
Nunca as ouviu o Deus a quem suplicam. . .
E, ante as desgraças que se multiplicam,
Estorcem-se de dor!

Inda há na terra escravocratas  bravos!
Ou pensará que não há mais escravos
Na aurora da Era Atômica?
Escravas, hoje, são todas as raças. . .
Eu vejo, em dois bilhões de vís carcaças,
Servidão policrômica. . .

Repara bem na minha superfície:
Não posso mais mais. . . È a máxima imundicie
Que eu posso suportar!
Quando despertarão teus irmãos loucos?
Quando, afinal, esses meus brados roucos
Quererão escutar?

Estarás tu no róseo misticismo,
Sonâmbulo a beirar o negro abismo
Que a igreja te cavou?
Inda bracejas nesse mundo pego,
Em que tua razão, ó grande cego,
Há muito se afogou?

É na terra que céu e inferno existem:
Céu a quem manda, inferno aos que persistem
Na dor do jugo eterno. . .
Pois, no globo em vives quase morto,
A burguesia tem o céu - que aborto! -
E só tens tido o inferno!

Do capital a crença é um dos esteios:
Ela semeia em ti esses receios
Da santa excomunhão. . .
Mas, seu Cristo morreu lá no calvário,
Qual foi o mal do gênio visionário?
Pregou resignação. . .

Antes, o povo opresso da Judéia
Teve no Cristo apoio à sua idéia,
E, unânime, o adorava;
Mas quando lhe ensinou a mansuetude,
Em vez de lhe extirpar a inquietude,
Ele o desenganava. . .

Quem se resignará perante o lobo,
Como um cordeiro, angelical e bobo,
Se entrega ao seu algoz?
Assim, aquele povo, que o seguia,
Viu o Cristo na cruz, em agonia,
E não se contrapôs!

E o político infame, que inda ajudas?
É o teu carrasco, o treu nefando Judas,
Melífluo e interesseiro:
É sempre teu amigo na aparência,
Mas depois do seu beijo - ó repelência! -
Te entrega por dinheiro. . .

E exulta a compradora, a burguesia, 
Para, mais tarde, urrando de alegria,
Executar sua parte:
Depois das chicotadas e da fome,
Com uma crueldade que não tem mais nome,
Enfim. . . crucificarte!

Gemendo, bradarás ao Deus glorioso,
Sem que te arranque ao transe doloroso:
Deus só existe no céu. . .
Verás, então, morrendo, aos estertores,
Que ninguém mais aplaca as suas dores,
Nem ouve o brado teu!

Só tu farás a tua abolição. . .
Recorda a antiga negra escravidão
E o horrendo negro nu:
Quem pôs termo a essa estúpida amargura?
Aboliu Deus a negra escravatura?
Teu próprio Deus és tu!

E, no entanto, és escravo assalariado:
Não passas de um imenso desgraçado,
Sem direito a viver. . .
Vegetas sobre mim como uma cousa,
E te arrastas do berço para a lousa:
Eis todo o teu prazer!

Tamanho sofrimento não te basta?
Insensível te fazes à vergasta,
No jugo da inclemência?
Talvez perante a dor, que chão te chumba,
Não ouças a revolta que retumba
No século da ciência!

Revê teus sofredores semelhantes:
Contempla suas pernas cambaleantes,
Seus rostos macerados. . .
É o sofrimento, que exterioriza,
Da exploração cruel, que martiriza
Os pobres massacrados!

Vês aquele indivíduo que vai preso?
Leva no olhar, furiosamente aceso,
O ódio a fuzilar. . .
Não lhe deram emprego nem comida;
Escorraçado, toda a sua vida,
Matou para roubar!

Olha aquela menina de treze anos!
Já provou desta vida os desenganos
E ali está, a exibir-se:
O pai caiu do andaime na calçada,
E a mãe, herdando a prole esfomeada,
Mandou-a prostituir-se!

É o que se vê na terra desgraçada,
Sob o tacão da burquesia inchada,
De prepotência um odre:
Suicídios, roubos, crimes, na verdade,
São produtos dessa alta sociedade
Inteiramente podre.

Mas a Fome, a invencível desvairada
Que tomou a Bastilha, revoltada,
Vencerá o capital;
E, aventureiros broncos, os tiranos
Terão, após horrores tão insanos,
Alegre funeral. . .

Ela há de guiar teus passos para a luta,
Contra o burguês de vida dissoluta,
Explorador nefário,
Que ri de ti com seus cifrões maiúsculos;
E esmagarás suas banhas nos teus músculos
De atlético operário!

Ouve, portanto, o meu supremo grito,
Que abala os astros que erram no infinito,
A terra a estremecer!
Ante a revolta, que em teu íntimo arde,
Que é que te falta, ó estúpido covarde?
Coragem de vencer. . .

E vencerás, se ouvires meus clamores,
Pondo termo às angústias, a essas dores
Da vida universal!
Só um remédio extermina esta miséria:
É a morte à burguesia deletéria -
Revolução social!

Será para a cainçalha um contratempo?
Pois que ladre e que morda, ao mesmo tempo,
E seu ódio extravase. . .
Nada há que abafe o ardor da maioria. . .
Nada há que salve ao baque a burguesia
Minada pela base!

Esta angústia econômica nos mata!
A tirania cruel brande a chibata,
E tortura-me, e aperta-te!
Há milênios meu grito corre os ares,
Repercutindo em céus, terras e mares:
Liberta-me! Liberta-te!



                                  









                            
                                    
                                         



                                                         




      

      

























,






 





                                                                                   



                                       







































                  
         

PAZ - Sem Jesus não há iniciação - ALZIRO ZARUR - Gotas de Luz.wmv

PAZ - WATERLOO - Poemas da Era Atômica - ALZIRO ZARUR.wmv


PAZ - Chega de ódio em nome de DEUS-ALZIRO ZARUR - Gotas de Luz.wmv

PAZ - A Grande Tribulação (Chave 18-Mensagem de Jesus...) - ALZIRO ZARUR...

PAZ - Só a Verdade de DEUS nos Liberta - ALZIRO ZARUR - Gotas de Luz.wmv

PAZ - O Ecumenismo da LBV é Universal - ALZIRO ZARUR.wmv

PAZ - Fora de DEUS não há segurança - ALZIRO ZARUR - Gotas de Luz.wmv

PAZ - A divisão do mundo - ALZIRO ZARUR - Gotas de Luz.wmv

PAZ - JESUS pode ficar visível - ALZIRO ZARUR.wmv

ENSINAMENTOS

 QUALIDADES DO CIDADADÃO DO CEU (CENTRO ESPIRITUAL UNIVERSALISTA) - ALZIRO ZARUR


1º. SABER ENTRAR NO SILÊNCIO.

  É a capacidade de se isolar e se integrar em DEUS. Os espíritos levianos têm medo da solidão, têm medo de DEUS e da própria consciência. Quando você entra no Silêncio, você ouve a voz de DEUS e dialoga com ELE.
  É um ponto iniciático essa frase: “Aqueles que entraram no silêncio, sentiram a Sua PAZ e receberam a Sua FORÇA”.
  Quem entra no Silêncio penetra no espírito de DEUS e é penetrado
por ELE. Tudo o que aprendemos de eterno vem desse Silêncio. As
nossas mais lindas frases foram segredadas pelo Silêncio. O Silêncio nos
segredou essas frases.



  2º. QUANDO O DISCÍPULO ESTÁ PRONTO, O MESTRE APARECE. 

  Antes, o discípulo ia para o deserto (mas havia deserto, tudo era, praticamente, deserto). Hoje, para nos prepararmos espiritualmente, não podemos ir ao Saara. Hoje, entramos no Silêncio. Quando estamos no Silêncio, estamos no deserto, como eu que fiquei um ano no deserto meditando sobre o trabalho da LBV antes de iniciá-la.
  A vida que vocês levam é uma vida de selvagens. É preciso ter muita coragem para enfrentá-la, mas não pode ser melhor até o fim do ciclo. Porém, vocês têm de entrar no Silêncio. 
  No Silêncio, o discípulo se apronta para a chegada do MESTRE e entende as Revelações. Quando o discípulo estiver pronto, o MESTRE aparecerá. Vocês receberão inesperadamente a visita do MESTRE,
que chamará a todos, aqui ou na sarça ardente. 




  3º. QUEM É JESUS? DE QUE GRANDEZA CELESTE É ORIGINÁRIO? 

  JESUS é o nosso modelo, pois Ele mesmo disse: “EU sou o caminho, a verdade e a vida”. JESUS começou simples e ignorante e se lapidou, PELO MERECIMENTO DO SEU TRABALHO, para chegar a Cristo 
Planetário. Jesus entrou no Silêncio, então chegou ao PAI. Nós chegaremos também ao PAI, se entrarmos no Silêncio. 



  4º. JESUS CURAVA OS DOENTES, APLACAVA A TEMPESTADE. 

  Como podia, com duas ou três palavras (fica limpo!), curar um leproso ou aplacar a tempestade, fazer o cego ver ou o paralítico andar, ou, ainda, subir aos Céus, sem nave espacial? 
  Tudo isso que JESUS fazia, vocês farão um dia. Por que JESUS fazia e vocês não podem fazer? Porque vocês não entraram num Silêncio mais profundo. Quando entrarem realmente no Silêncio, vocês voltarão e 
curarão os leprosos com duas ou três palavras (ou tuberculosos, ou cancerosos). 
  Entrem no Silêncio! Na meditação mais profunda, no isolamento, frente a frente com JESUS. 



  5º. FÉ – DISSE JESUS: “EM VERDADE, EM VERDADE VOS DIGO QUE SE NÃO VOS TORNARDES CRIANÇAS, NÃO ENTRAREIS NO REINO DE DEUS”. 

  Se não duvidardes, entrareis no Reino de DEUS. Com relação à FÉ, JESUS era terrível, rigoroso, martelante, draconiano e exigente para com a FÉ. “Sem FÉ: sem MIM, nada podereis fazer”. E o Presidente só comanda a LBV pela FÉ, porque todos se congregaram contra a LBV, pois não há nada mais integrado no pensamento do CRISTO que a LBV. Mas, pela FÉ, a LBV venceu tudo.

  6º. O PARÁCLITO ESTÁ DENTRO DE CADA LEGIONÁRIO. 


  O Paráclito é a fonte de todo conhecimento e está dentro de cada Legionário. O Paráclito não está, porém, dentro dos sectários, dos que odeiam e matam em nome de DEUS. A primeira qualidade do Paráclito é não estar vinculado a nenhum sectarismo (que é o Anti-Cristo). A ordem do chefe Planetário é: “AMAI-VOS” e não “odiai-vos”.
  Não há Paráclito no coração dos sectários. Não ganha o Paráclito quem é sectário. É preciso, para tanto, a desvinculação do sectarismo. Sacudir a serpente do sectarismo religioso, criminoso até onde pode ser
criminoso. É a paixão religiosa, a pior de todas as paixões.
  O Paráclito responderá no SILÊNCIO: só espera o chamado no SILÊNCIO para atender às consultas de cada um e responder a qualquer pergunta. Nenhum de nós está desamparado e não estará jamais. O
Paráclito é a voz do Cristo, é o próprio CRISTO. Por isso, Ele disse: “Orai e vigiai para não cairdes em tentação. Conhecereis a Verdade e a Verdade vos libertará”. O sexo leva ao crime: “Aquele que conseguir
dominar o sexo, conseguirá vencer todas as adversidades, vencerá tudo porque a maior fraqueza humana é o sexo”.




  7º. DISSE JESUS: “O REINO DE DEUS ESTÁ PERTO DE VÓS”. 

  O Reino de DEUS está próximo de vós. Depois disse: “O Reino de DEUS está no meio de vós”. Depois: “O Reino de DEUS está dentro de vós”. E, por fim: “VÓS SOIS O TEMPLO DO DEUS VIVO!”
  O Legionário é o espírito mais evoluído da Terra e está se preparando para receber as insígnias da RELIGIÃO DE DEUS.


 8º. A DOUTRINA INTELECTUAL, FILOSÓFICA, LITERÁRIA, O CONHECIMENTO MATERIAL ENCONTRA-SE EM LIVROS QUE SE PODEM COMPRAR NAS LIVRARIAS. 

  Compram-se as obras completas de Ruy Barbosa, compram-se coleções através das quais se adquire conhecimento material. Mas e a força espiritual, será que se compra? Não! É dom de DEUS, que dá a quem quer dar. Como está naquela passagem do Evangelho quando um mago quis comprar o dom de cura de Pedro. O que Pedro respondeu foi: “Pereça contigo o teu dinheiro, pois quiseste comprar um dom de DEUS”. E o mago morreu fulminado na hora. Por isso, o dom espiritual é algo muito sério. Quem não recebe a entidade, NÃO MISTIFIQUE! NÃO MISTIFIQUE! Porque o prêmio é trágico.
  Ninguém compra o poder espiritual, só o adquire pelo trabalho. Quem entra no conhecimento espiritual, não quer ser rico, porque carrega consigo todas as riquezas verdadeiras (omnia mea, mecum-porto: o que é meu carrego comigo). Jesus dizia ao leproso: “Fica limpo!” E ele ficava. Esse poder espiritual não se vende nas farmácias: é esforço, trabalho, meditação. O Paráclito está na LBV - anima a LBV.



  9º. NINGUÉM PODE REVELAR DEUS A QUEM QUER QUE SEJA. 

  Eu mostro o caminho. Quando vocês estiverem prontos, Ele se mostrará a vocês. Vocês já conhecem uma felicidade que o futebol não dá, nem o poder, nem glória material. O que é poder? Perguntem ao Médice se ele quer ficar no poder, continuar um só dia a mais. O poder está ficando cada vez mais fluídico porque, como os governantes não têm uma lei infalível para seguir, é melhor estarem longe do poder.
  O Legionário está governando onde quer que esteja, pois deixa uma vibração, uma mensagem, seja pelo pensamento, pela sua palavra ou pela ação.


  10º. PEDIDO DO REI SALOMÃO. 

  Quando Salomão foi assumir o poder, DEUS lhe disse: “Que queres de mim, Salomão?” E ele: “Dá-me, Senhor, entendimento e poder espiritual”. E DEUS lhe respondeu: “Como não me pediste riqueza, inteligência, saúde, glórias materiais, fama e bens materiais que fascinam os homens, mas pediste poder espiritual, receberás poder espiritual e também saúde, inteligência, riquezas”, porque “Buscai primeiramente o REINO DE DEUS e Sua Justiça e tudo o mais vos será acrescentado”. Quem entra no Silêncio cumpre essa afirmativa de JESUS. E, estando com DEUS, seremos invencíveis, porque a vida material é uma ilusão.  
  DEUS é a sede, é a fome, todas as necessidades satisfeitas, todos os anseios supridos dentro desta Lei. Quando você coloca DEUS acima de tudo, é ele que vai suprir as suas necessidades. Vocês conhecerão a
fórmula que resolve qualquer problema, pode ser até de dinheiro para pagar uma dívida. Vocês vão descobrir a maneira de, com tranquilidade, resolver tudo isso. Quem está com DEUS vence tudo isso facilmente. Quando você entra no Silêncio, tudo fica mais claro. Por isso, eu me isolo, para me concentrar em DEUS e receber essas coisas. A LBV só pode fazer coisas eternas, que durem para sempre, como o Jornal de Deus e a Síntese Final.

O HOMEM NÃO INVENTA NADA, SÓ DESCOBRE AQUILO QUE JÁ 
EXISTE EM ALGUM LUGAR DO UNIVERSO. 

O homem tem de ter capacidade de entrar no invisível para descobrir o que já existe. TUDO O QUE O HOMEM É CAPAZ DE IMAGINAR, É CAPAZ DE FAZER. Na LBV há uma proteção especial. Como é que JESUS curava os doentes? De onde vem esse Poder? Quem não gostaria de ter esse dom para curar a si mesmo e aos seus? Tudo o que você é capaz de imaginar é capaz de fazer. Você não imagina sua mãe curada, seu filho restabelecido? Então, se você se preparar, NO SILÊNCIO, você poderá curá-los.
  O homem não inventa nada, só descobre. Aqui embaixo só se descobre o que já existe lá em cima. Meu merecimento é ser fiel a JESUS e me sacrificar (das riquezas, orgias, glórias), deixando tudo isso para fundar a LBV e ensinar a Doutrina do CEU. Porém, fiz no plano material o que já havia no Plano Espiritual.
  ENTRAR NO SILÊNCIO é muito importante. Os que falam menos são os que mandam, os que produzem mais. Eu trabalho no Silêncio.
  O CEU não fará nunca o que JESUS não faria. Chegou o momento de meditar nessas palavras:
“QUEM NÃO É POR MIM, É CONTRA MIM.” É melhor estar com ELE.



  2ª PARTE DOS ENSINAMENTOS DO CEU 

  SÓ OS QUE ENTRAM NO SILÊNCIO POSSUEM A VERDADEIRA FÉ, 
  ENSINADA POR JESUS E DEFINIDA PELO APÓSTOLO PAULO

  Por isso, JESUS foi buscar Paulo, que era seu inimigo. Antes da missão, DEUS deixa cometer o erro para ninguém ser infalível. Assim, Paulo errou, Moisés errou, Roustaing errou, Kardec errou, etc. Infalível só um: JESUS.


FÉ 

Alguém sabe definir FÉ? FÉ É O PRÓPRIO DEUS. FÉ É IGUAL A DEUS. O Apóstolo Paulo disse, na Epístola aos Hebreus, capítulo XI: "A FÉ é a substância das coisas desejadas, é o firme fundamento das coisas que se esperam e a prova das coisas que não se vêem!” É, portanto, a prova das coisas não vistas, do que não aparece aos olhos.   Jesus disse: Para aquele que crê, todas as coisas são possíveis. Mas crer em quê? Crer de que forma? Como?
  O anjo disse a Maria: “PARA DEUS NÃO HÁ IMPOSSÍVEIS”. O Apóstolo Paulo disse: “SEM FÉ, É IMPOSSÍVEL AGRADAR A DEUS”. Deus não gosta de pessoa sem fé. Se eu que sou um arautozinho, um trombeteiro de Jesus, não gosto de Legionário vacilante, duvidoso, que não acredita na LBV, que duvida da LBV (que é a única linguagem eminentemente Crística do planeta), como Deus vai gostar daqueles que não têm Fé?


HÁ DUAS ESPÉCIES DE FÉ 


Temos de ficar com a mais perfeita, porque Jesus disse que a dúvida acorrenta, mas a certeza liberta.

HÁ UMA FÉ CEGA E UMA FÉ RACIOCINANTE. 

A FÉ RACIOCINANTE não é passiva, é ativa, é dinâmica. A FÉ CEGA é uma crença vaga num poder superior, num poder maior, mas não convence. Não é fé que convença de modo científico.

FÉ RACIOCINANTE baseia-se num princípio imutável, não depende de fatos físicos, nem da evidência dos sentidos.

FÉ CEGA é a crença vaga, não entra em pormenores, é fé disforme, enquanto que a Fé Raciocinante é infinitamente maior que a Razão, tão falada pelos cientistas positivistas que conferem tudo pelos cinco
sentidos; se não está provado na base dos cinco sentidos, não é considerada Ciência. Por isso, os positivistas aceitam mais a Alma, que está no cérebro (são as 18 funções do cérebro) do que o Espírito.


FÉ RACIOCINANTE é baseada em princípio imutável, transcende esse limite físico e entra no campo da intuição, dos carismas e das mediunidades. Desbrava o campo infinito da intuição. É DEUS EM NÓS.
A intuição da FÉ RACIOCINANTE nasce do espiritual, divino. Enquanto as coisas do sentido são restritas, as divinas são infinitas. Por isso, já dizia o Apóstolo Paulo: as coisas divinas são consideradas loucura pelos
homens.



  DIFERENÇA ENTRE FÉ CEGA E RACIOCINANTE 

  Pelas leis da geometria nós sabemos que a soma dos ângulos de um triângulo é igual a dois ângulos retos. Antes que isso apareça diante de nossos olhos, sabemos que em qualquer triângulo a soma dos ângulos será sempre igual a dois ângulos retos. Também, na tabuada está que um mais um é igual a dois, e ninguém pode contestar. Antes de ver, já sabemos que é. Assim é a FÉ RACIOCINANTE. A FÉ CEGA sabe que é, mas 
não sabe como é. Compara-se a certeza de que um mais um é igual a dois à FÉ RACIOCINANTE. Porque a FÉ CEGA sabe que DEUS existe, mas não sabe explicar. Na FÉ RACIOCINANTE é diferente; é como afirmou JESUS: "CONHECEREIS A VERDADE E A VERDADE VOS LIBERTARÁ". A FÉ RACIOCINANTE baseia-se na afirmação de que não há efeito sem causa. Se um objeto existe é porque alguém o fez, o criou (o relógio, a aliança, etc.). Então, olhando o Universo, tudo o que existe, sabemos que DEUS existe, pois nada começa do nada.
  Esses conhecimentos são básicos para a transmutação. Para que vocês aprendam a dar a solução ao problema do sexo e fazer a transmutação, é preciso conhecer esses ensinamentos sobre a FÉ. 
  JESUS ficava triste com a falta de Fé daqueles que O rodeavam, principalmente os Apóstolos, que perguntavam a JESUS por que Ele permitia que pecadores vulgares O acompanhassem. No entanto, também os homens eram pecadores. JESUS censurava a falta de FÉ e dizia: “Homens sem FÉ – pedi e obtereis, pedi em meu NOME e DEUS vos dará”. Está tudo lá repisado e repetido. JESUS insistia nisso, e hoje o velhinho macróbio vai dizer a vocês porque JESUS insistia tanto no problema da FÉ: 
  É PORQUE DEUS CONCEDE TUDO, QUANDO HÁ AMOR NA ALMA DO SUPLICANTE. Tudo isso é concedido se há amor. Por isso, o Novo Mandamento é a PEDRA FILOSOFAL – é matéria-prima, é 
substância para ser transmutada. Se a prece não tem Amor, não entra na vibração Divina, perde-se no espaço porque, qualquer que seja o pedido que não seja do Amor e para o Amor, perde-se no espaço, porque DEUS é AMOR. Então, a pessoa em vão pediu, está zombando de DEUS e não perde por esperar. 

DEUS TEM TODOS OS ELEMENTOS MASCULINOS E FEMININOS EM SI. 

  Simplesmente porque DEUS tem tudo, é a soma de todas as coisas, o sol é DEUS, a lua é DEUS, as galáxias e tudo mais faz parte de DEUS. E quando o Apóstolo Paulo disse que a FÉ é a substância, das coisas desejadas, devia dizer: a FÉ é DEUS! 
  Assim, se você deseja alguma coisa, um automóvel, por exemplo, você mentaliza o automóvel, que vem do invisível para o visível (o homem não inventa nada, tudo já existe no invisível). Então é DEUS, porque tudo o que pode trazer benefício é DEUS. Assim VOCÊ ESTÁ PEDINDO DEUS. Todo bem é DEUS. O dinheiro é DEUS, QUANDO EMPREGADO PARA O BEM, e assim é o futebol, o carnaval, etc. O que está fora do bem não é DEUS, é Satanás. E somos hóspedes de Satanás até 1999, mais depois, coitados... 
  TODO BEM é DEUS, a substância das coisas desejadas. SEJA QUAL FOR O PEDIDO, DEUS DARÁ – EU PEDI 100 MILHÕES DE DÓLARES A JESUS para completar tudo o que a LBV precisa: imprensa, emissoras e a Cristópolis. E, como DEUS é o próprio dólar, eu faço a transmutação: se é para o bem, DEUS DARÁ. Agora, é preciso que analisemos os pedidos, será que é realmente para o bem ou estamos enganados? Se não estamos enganados, DEUS DARÁ. 
  Por isso, disse JESUS: “Vós sois deuses”, conforme o rei Davi já tinha escrito, recebido pela intuição. Portanto, um dia seremos como o CRISTO. Todos estamos marchando para chegarmos a ser CRISTO um 
dia. Há bilhões, trilhões de mundos para vocês dirigirem. 
  Pedi 100 milhões de dólares, mas não é pedido individual. Estou pedindo em nome de todos os Legionários. Mas, o que respondo a JESUS que me pergunta: “Todos estão em condições de pedir contigo?” O que respondo? A LBV não é minha, é de todos vocês. Por isso o Pai quer toda substância que se transmuta, para dar todo o bem (substância que tem de vir de todos). 
  E Ele pergunta: “Eles entraram no Silêncio, venceram a matéria, o sexo, como você que se transformou num ermitão assexual para não transgredir a Lei”? 
  Se tivermos merecimento, isso vem a jato. Mas, ainda JESUS pergunta: “Os Legionários empenhados nisso, estão envolvidos pela mesma aura de merecimento que o Irmão Zarur, pelo seu sofrimento, pela sua renúncia”? Em nome de JESUS estou transferindo a vocês, no dia de hoje, essa responsabilidade, essa tomada de posição espiritual pela FÉ. 

  PAULO AOS HEBREUS, XI: 1-40: 

  A fé é a substância das coisas desejadas, a convicção de fatos invisíveis. Pela fé os antigos conquistaram vitórias. Pela fé entendemos que o Universo foi formado pela Palavra de Deus, de modo que o visível nasceu do invisível, as coisas que aparecem nasceram daquelas que não aparecem. Pela fé Abel ofereceu a Deus mais excelente sacrifício do que Caim; pelo qual obteve testemunho de ser justo, tendo a aprovação de Deus quanto as suas ofertas. Por meio dela, também mesmo depois de morto, ainda fala ao mundo. Pela fé Enoque foi trasladado para não ver a morte; não foi achado, porque Deus o trasladou. Pois antes da sua trasladação, obteve testemunho de haver agradado a Deus. Sem fé é impossível agradar a Deus, porque é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que Ele existe e que se torna galardoador daqueles que o chamam. Pela fé o patriarca Noé, divinamente instruído acerca de acontecimentos que ainda não se viam, mas respeitando o Senhor Deus, aparelhou uma arca para salvação da sua família, e com a arca ele condenou o mundo e se tornou herdeiro da justiça que vem da fé. Pela fé Abraão, quando chamado por Deus, obedeceu, a fim de ir para um lugar que devia receber como herança; e partiu sem saber para onde ia. Pela Fé 
peregrinou na terra da promessa como em terra alheia, habitando em tendas com Isaque e Jacó, herdeiros com ele da mesma promessa; porque aguardava a cidade que tem fundamentos, da qual Deus é o Arquiteto e Edificador. Pela Fé, também, a própria Sara recebeu poder de ser mãe, não obstante o avançado da sua 
idade, porque teve por fiel aquele que lhe havia feito a promessa. Por isso também de um, aliás já amortecido, saiu uma posteridade tão numerosa como as estrelas do céu, inumeráveis como areia que está na praia do mar. Todos eles morreram na fé, sem ter obtido as promessas, vendo-as, porém, de longe,saudando-as, e confessando que eram estrangeiros e peregrinos sobre a terra. Porque os que falam desse modo manifestam estar procurando uma pátria. E, se, na verdade, se lembrassem daquela de onde 
saíram, teriam oportunidade de voltar. Mas agora aspiram a uma pátria superior que é a pátria celestial. Por isso, Deus não se envergonha deles, de ser chamado seu Deus, porque lhes preparou uma cidade. Pela fé Abraão, quando porto à prova, ofereceu Isaque; estava mesmo para sacrificar o seu filho aquele que acolheu alegremente a promessa, a quem se havia dito: Em Isaque será chamada a tua descendência; porque considerou que Deus era poderoso até para ressuscitá-lo dentre os mortos, de onde também, figuradamente, o recobrou. Pela fé, também Isaque abençoou Jacó e Esaú, acerca de coisas que ainda estavam por vir. Pela fé Jacó, quando estava para morrer, abençoou cada um dos filhos de José, e, apoiado sobre a extremidade do seu bordão, adorou o Senhor Deus. Pela fé José, próximo do seu fim, fez menção do êxodo dos filhos de Israel, bem como deu ordens quanto aos seus próprios ossos. Pela fé Moisés, mal nascido, foi acoitado por seus pais, durante três meses, porque viram que a criança era formosa; também não ficaram amedrontados pelo decreto do Faraó. Pela fé Moisés, quando já homem feito, recusou ser chamado filho da filha do Faraó, preferiu ser maltratado junto com o povo de Deus à usufruir prazeres transitórios do pecado, porque considerou o opróbrio do Cristo por maiores riquezas do que os tesouros do Egito, porque contemplava o galardão. Pela fé ele abandonou o Egito, nem ficou amedrontado pela cólera do Faraó; antes permaneceu firme como quem vê aquele que é o invisível. Pela fé celebrou a páscoa, o derramamento do sangue, 
para que o exterminador não tocasse nos primogênitos. Pela fé atravessaram o Mar Vermelho como por terra seca; tentando a mesma coisa, os egípcios foram tragados pelas águas. Pela fé ruíram as muralhas de Jericó, depois de rodeadas por sete dias. Pela fé Raabe, a meretriz, não foi destruída, porque acolheu em 
paz os espias. Que mais direi ainda? Certamente me faltará o tempo necessário para contar a respeito de Gideão, de Baraque, de Sansão, de Jefté, de Davi, de Samuel, dos profetas, os quais, por meio da fé, subjugaram reinos, praticaram a justiça, conquistaram a promessa, fecharam a boca dos leões, extinguiram a violência do fogo, escaparam ao fio da espada, da fraqueza fizeram força, tornaram-se poderosos na guerra, puseram em fuga exércitos de estrangeiros. Mulheres receberam, pela ressurreição, seus filhos mortos. Alguns foram torturados não aceitando seu resgate, para obter superior ressurreição; outros, por sua vez, passaram pela prova do escárnio e do açoite, das algemas e das prisões. E outros oram apedrejados, foram provados, foram cerrados pelo meio, foram mortos ao fio da espada, e andaram peregrinos vestidos de 
pele de ovelhas e de cabras, necessitados, afligidos, maltrapilhos. Eram homens de que o mundo não era digno, errantes pelos desertos, pelos montes, pelas covas, pelos antros da terra. Todos estes que obtiveram bom testemunho por sua fé, não obtiveram, contudo, a concretização das promessas, porque Deus terá provido coisa superior a seu respeito para que eles, sem nós, não sejam aperfeiçoados. 

O próprio Daniel confessa em seu livro que nem todas as profecias que recebia ele entendia, como também João não entendia o Apocalipse – MAS TINHAM FÉ.
  Esse texto de Paulo é a maior definição de FÉ que existe. Quando um cristão tem fé (e há casos de violência: ele é atirado aos leões ou serrado ao meio, ou crucificado) e não sente nada. É anestesiado por uma substância desconhecida. Se está com DEUS, não sente nada, porque o importante para DEUS não é o material, o melodramático: o pobre pedindo comida, o descarado querendo dinheiro emprestado, MAS 
O ESPIRITUAL. Se nós sofremos ao ter de conviver com pessoas ignorantes e isso é sofrimento espiritual – imaginem o sofrimento de JESUS, que era CRISTO e veio conviver com canibais. É o meu sofrimento. Por isso, João-Elias-Moisés entrou no Silêncio. AGORA MINHA MISSÃO PARA COM AS MULTIDÕES ESTÁ CUMPRIDA. Só farei o preparo dos chefes de 100, de 500 e de 1000, porque O APOCALIPSE 
NÃO VAI SER DADO ÀS MULTIDÕES, VAI SER DADO A VOCÊS. 
  A pior dor é a dor espiritual – essa crucificação diária junto do ser humano ignorante, suportando o ódio deles, a burrice deles, a involução deles, a macumba deles. 
  São Paulo ainda diz: A FÉ É O FIRME FUNDAMENTO DAS COISAS QUE SE ESPERAM, QUE NÃO APARECEM, porque a FÉ UNE AS SUBSTÂNCIAS DAS COISAS SEPARADAS, então é o próprio DEUS. DEUS É A PRÓPRIA SUBSTÂNCIA. 
  Existe uma antiga frase minha: “Fulano tem uma grande quantidade de DEUS em seu espírito”. Todos são deuses, todos são médiuns; uns têm mais DEUS, outros têm menos DEUS. Vocês podem fazer a 
experiência NO SILÊNCIO. Se pedirmos para o bem, receberemos – pois Deus não dará para o nosso mal. O CEU está onde há os evoluídos que estão integrados no Cristo e preparando-se para se integrarem em 
DEUS. 
  E, por fim, a palavra da alegria: temos sofrido muito, chorado muito, mas hoje ficamos imensamente ricos. Ricos da Graça de DEUS. Se vocês souberem pedir e não tiverem cérebro estreito, pedir dez centavos – o 
que é uma ofensa para DEUS que é imensamente rico – receberão. Eu pedi 100 milhões de dólares, por enquanto. Por enquanto dá... por enquanto. Se vocês não forem mesquinhos, não forem daqueles que 
querem ver JESUS pobre, pedindo esmolas (como São Francisco de Assis que muitos pensam que era pobre, porque pedia esmolas). Isso é invenção da igreja romana, para ficar rica e deixar o povo pobre. 
  A CHAVE FINAL: A COISA QUE DESEJAIS, NÃO SOMENTE JÁ É VOSSA NO INVISÍVEL, COMO JÁ PARTIU DO CORAÇÃO DE DEUS PARA VÓS. 
  “Pedi e dar-se-vos-á” é a Palavra do Cristo que nunca mentiu. Se as nações armam seus guerreiros, como JESUS não armará seus Soldados, Legionários, para a luta que enfrentam pelo AMOR? 
  Quatro são as Revelações. Quatro são as estações: primavera, verão, outono e inverno. Estamos entrando no inverno, inverno rigoroso. Mas não há nada a temer para os que têm FÉ – que são aqueles que 
resolvem os problemas e dão ao Presidente a solução, não criam problemas para o Presidente que já carrega a cruz de todos. Quando vocês entraram para a LBV, jogaram a cruz de vocês nas minhas costas. Não há pior convivência do que a convivência com pessoas sem FÉ. 
  NÃO SE ESQUEÇAM: “A COISA QUE DESEJAIS, NÃO SOMENTE, JÁ É VOSSA NO INVISÍVEL, COMO JÁ PARTIU DO CORAÇÃO DE DEUS PARA VÓS”. 


  A CONQUISTA DA VERDADEIRA LIBERDADE 

  Quem sabe entrar no SILÊNCIO com FÉ GANHA UM PODER CHAMADO CONCENTRAÇÃO. Sem CONCENTRAÇÃO não se resolvem problemas, nada atingimos em profundidade, ficamos na periferia. Através dela, podemos descobrir quem são nossos amigos. 
  Sem JESUS não há qualquer iniciação, por isso, temos de voltar ao ano zero da Era Cristã; começar a evoluir agora, COM JESUS, senão não saberemos discernir o certo do errado, o fato das aparências do fato, e cairemos nas doutrinas humanas que são todas erradas. Portanto, temos de recuar no tempo e começar tudo de novo COM JESUS, que vai nos dizer o que é para ficar e o que é para jogar fora. 
  JESUS disse: “CONHECEREIS A VERDADE E A VERDADE VOS LIBERTARÁ”. Não a verdade dos homens, pois cada um tem a sua verdade particular, mas a de DEUS. 
  A VERDADE DE DEUS fará a nossa iniciação sem necessidade de rituais complicados de pompa e circunstância: fará nossa iniciação, principalmente, sem qualquer sectarismo. É a iniciação do CRISTO DE 
DEUS, anti-sectária, porque com sectarismo não pode haver realização, não pode haver a CONQUISTA DA VERDADEIRA LIBERDADE. Quem entra no SILÊNCIO com FÉ consegue a verdadeira Liberdade tão falada pelo Apóstolo Paulo: a gloriosa Liberdade dos FILHOS DE DEUS. 
  Cada um tem de escolher, agora, entre a Liberdade e escravidão; na LBV conhecemos a Verdade porque encontramos o CRISTIANISMO DO CRISTO e não doutrinas de homens. 
  Só a VERDADE DE DEUS poderá nos libertar do erro ou do pecado, e todo aquele que comete pecado é escravo do pecado. O conceito de pecado não é aquele que todos logo pensam: pecado sexual, adultério, 
traição, mas o de qualquer pecado. Exemplo: Até o fato de somar três mais um igual a cinco, quando é 4, é um pecado matemático. Diante desse conceito, pergunta o Presidente: Vocês são livres ou escravos do 
erro? 
  Todos vocês são escravos do erro ainda, mas precisam conhecer certos mistérios que farão os conhecimentos funcionarem automaticamente, daí não errarão mais. 
  Todo aquele que erra é escravo do erro, em qualquer setor da vida. O conhecimento da Verdade leva ao domínio do erro. Daí a importância do NOVO MANDAMENTO como pedra filosofal que transforma o chumbo de nossos corações em ouro puríssimo. 
  Cada alma está, ou julga estar, na escravidão da carne, mas, quando vencer essa escravidão, vencerá tudo e será livre. Vencerá as doenças. Exemplo: a úlcera é causada por três fatores: medo, desgosto e raiva. 
Vencendo esses fatores, a úlcera deixa de existir. 
  A história dos filhos de Israel contada por Moisés é, na verdade, a descrição do Espírito, Alma ou Consciência, evoluindo da parte animal dos cinco sentidos, para a Parte Espiritual, mental superior. Isso é o que significa SAIR DO CATIVEIRO DO EGITO (da escravidão) PARA A TERRA DE CANAÃ (terra prometida). O espírito que está na escravidão não sabe o que faz. Por isso temos assistido aos crimes mais escabrosos no mundo atual. 
  Assim como o Senhor falou a Moisés: “Vi a aflição do meu povo que está no Egito e ouvi o seu clamor. Conheço-lhe o sofrimento, por isso, desci a fim de livrá-lo dos egípcios e FAZÊ-LO SUBIR daquela terra a 
uma terra boa e ampla que mana leite e mel, pois o clamor dos filhos de Israel chegou até mim”. Isto exprime a atitude do Criador para com a criatura. Assim também hoje o Senhor diz: “CONHEÇO, POVO MEU, AS TUAS DORES NAS TREVAS DA IGNORÂNCIA, E EIS QUE VENHO LIBERTAR-TE E TIRAR-TE DA ESCRAVIDÃO DAS TREVAS, PARA FAZERTE SUBIR À TERRA DO CONHECIMENTO ESPIRITUAL, DA QUAL NÃO MANA APENAS LEITE E MEL, MAS TODO O BEM QUE TENHO PARA DARTE”. E o homem subirá nesse processo (descrito por Moisés), sofrendo na peregrinação, atravessando pela FÉ o Mar Vermelho, até ficar liberto pelo conhecimento da Verdade, e galgar as maravilhas espirituais, e ser UM COM DEUS. 

  SÃO PAULO AOS ROMANOS, VIII: 12 a 17: 

  “Assim, pois, irmãos, somos devedores, não à carne como se constrangidos a viver segundo a carne. Porque, se viverdes segundo a carne, caminhais para a morte; mas, se pelo Espírito mortificardes os feitos do corpo, certamente vivereis. Pois todos os que são guiados pelo Espírito de DEUS são Filhos de DEUS. Porque não recebestes o espírito de escravidão para viverdes outra vez atemorizados, mas recebestes o espírito de adoção, baseados no qual, clamamos: ABA, PAI! O próprio Espírito testifica com o nosso espírito que somos filhos de DEUS. Ora, se somos filhos, somos também herdeiros, herdeiros de DEUS e co-herdeiros com o CRISTO: se com Ele sofrermos, para que também com Ele sejamos glorificados”. 

  TUDO AQUILO QUE DEUS TEM É, NA VERDADE, PARA VÓS QUE SOIS SEUS HERDEIROS, BASTANDO PARA ISSO QUE SAIBAIS MERECER A VOSSA HERANÇA, PARA PODER RECLAMAR O QUE VOS PERTENCE. Pode alguém, porventura, reclamar no cartório a posse daquilo que não possui? É preciso merecimento e, portanto, não depende de mim, mas unicamente de vocês. 

  SÃO PAULO AOS GÁLATAS, IV: 1 a 7: 

  “Digo, pois, que durante o tempo em que o herdeiro é menor, em nada difere de escravo, ainda que seja senhor de tudo. Mas está sob tutores e curadores até o tempo predestinado pelo pai. Assim também nós, quando éramos menores, estávamos servilmente sujeitos aos rudimentos do mundo; vindo, porém, a 
plenitude do tempo, Deus enviou seu Filho, nascido de mulher, nascido sob a lei, para resgatar os que estavam sob a lei, a fim de que recebêssemos a adoção de filhos. E, porque vós sois filhos, enviou Deus aos nossos corações e Espírito de seu Filho, que clama: ABA, PAI! De sorte que já não és escravo, porém filho; e, sendo filho, também herdeiro por DEUS”. 

  Isso significa que o herdeiro menor é o espírito involuído que ainda é escravo do erro e não tem direito a nada como filho. Mas, quando vem a plenitude do tempo, isto é, a evolução, torna-se FILHO E HERDEIRO DE DEUS, CO-HERDEIRO DO CRISTO. 
  TODO AQUELE QUE NÃO SABE EVITAR UMA DISCUSSÃO, UMA BRIGA, É AINDA ESCRAVO DO PECADO E NÃO FILHO DE DEUS. Por isso, a partir de hoje, na LBV, vocês não podem mais desunir, pois estão dentro da casa de DEUS. Aqueles que ficarem na Obra terão de ser assim – os demais serão jogados fora. 
  O que quero para todos vocês é que estejam na plenitude gloriosa dos Filhos de Deus, herdeiros de Deus e co-herdeiros do Cristo. 
  No mundo, estamos rodeados de ignorantes por todos os lados. Os da Academia de Letras são também ignorantes, pois que valor têm suas obras, o que é que elas ensinam para a Humanidade? 
  Nós, porém, estamos dando o que significa a Lei do Destino e vocês vão desenvolver todos os poderes e poder construir o seu próprio Destino. 
  O bom soldado não ignorará nada porque, senão não saberá guerrear nesse Fim de Ciclo Apocalíptico. Teremos de enfrentar as dificuldades da jornada, senão não haveria merecimento. Temos de atravessar, pela FÉ, o Mar Vermelho, também deixando a ignorância do outro lado; e os escravos do erro, querendo passar, serão tragados pelas águas.
   Estamos na carne, mas não somos escravos dela, não somos servos, SOMOS LIVRES. E, a partir de hoje, ninguém mais vai dizer servo de DEUS: SOMOS FILHOS DE DEUS, SOLDADOS DE DEUS, TRABALHADORES DE DEUS! Toda idéia de servidão é de involução. Nem Maria diria mais hoje, serva de DEUS, pois também ela hoje é livre. Se o disse foi há dois mil anos. 
  SOMOS FILHOS DE DEUS (e não servos) – HERDEIROS DE DEUS E CO-HERDEIROS DO CRISTO. 

  “O PENSAMENTO E O DESTINO” 

  VÓS SOIS DEUSES. 
  Já escreveu o Rei DAVI, no Velho Testamento: “Vós sois deuses!” - e JESUS repetiu esse verso, mostrando que o homem vai evoluindo até chegar a deus (com d pequeno). 

  O HOMEM CRIA SEU DESTINO PELO PENSAMENTO. 

  Deus criou o homem – o homem cria seu próprio destino pelo seu pensamento (que não tem nada a ver com pensamento positivo). O HOMEM CRIA SEU DESTINO PRIMEIRO PELO PENSAMENTO, DEPOIS PELA PALAVRA, DEPOIS PELAS AÇÕES. Por isso, é preciso cuidado com o pensamento porque, toda vez que pensamos, estamos criando nosso destino (cuidado com o pensamento vagabundo, vagando por aí). E, só pode ter pensamento integrado em DEUS, quem entra no Silêncio, pois “Cérebro desocupado é oficina de Satanás” (daí construir um destino inferna). 

  CONCEITO DE LIBERDADE SEXUAL. 

  No mundo, ter liberdade sexual é fazer o que fazem os animais: usar para a satisfação sexual a primeira fêmea disponível, pois não se casam nem têm compromisso de fidelidade ao companheiro. É o amor bestial, 
animalesco. Se você tem essa tendência, você está nessa liberdade. Mas o homem tem o direito de pensar assim? 

  NOSSA CONCEPÇÃO DE LIBERDADE SEXUAL 

  Como já vimos, a conquista da verdadeira liberdade é a LIBERDADE DO PONTO DE VISTA DE DEUS – É A LIBERDADE DAS COISAS DE DEUS. Porque nossa concepção de Amor, na Doutrina do CEU, é mais do que se diz no mundo, pois nele, o Amor se restringe ao sexo, não leva em conta o espírito da pessoa. Não há Amor sem que o espírito esteja presente. Se não houver amizade espiritual, não há união perfeita, porque o sexo enjoa, irrita; se não há base espiritual, não há Amor. Com 15 anos, eu já estava aprendendo tudo isso na universidade da rua. Vi os dramas de meus colegas, como se separavam das esposas quando casavam pelo desejo sexual, porque logo depois vinha o nojo. O que evita o nojo que vem depois é a presença espiritual da mulher, então esse amor não acaba; mas se só se baseia no corpo, um mês depois qualquer relação sexual cansa, enjoa. E os homens começam a procurar fora, pois são completamente ignorantes da sexologia à luz do Novo Mandamento. Se você está em dúvida em relação ao seu escolhido, é 
porque você não ama. Quando ama a pessoa, sente uma falta terrível. Daí, o sexo não afasta. 

  O PENSAMENTO ERRADO E O PENSAMENTO CERTO 

  Como estamos estudando hoje o pensamento, vemos o perigo do pensamento gerando monstruosidades por insatisfação sexual. O homem se cansa da mulher e vai para aberrações, homossexualismo, taras no 
mais alto grau. Já aprendemos que A SUBSTÂNCIA REAL QUE EXISTE EM CADA SER OU COISA É DEUS. Nesse monismo, todas as coisas são unificadas, todas as formas de vida são unas, emanadas do invisível para o visível – porque TUDO É SABEDORIA DE DEUS. TODO O AMOR QUE AS PESSOAS SENTEM É O AMOR POSTO EM VISIBILIDADE QUE É O PRÓPRIO DEUS. 

  TODA MENTE É DEUS 

  Toda mente que existe é DEUS. E muitos dirão: se a mente é Deus, como é que tenho pensamentos errados? Como é que a uso para negar a verdade? 
  Mas é que a mente humana é dotada de livre-arbítrio, cuja atuação (para o bem ou para o mal) define o seu destino. TODA MENTE HUMANA TEM LIVRE-ARBÍTRIO E DETERMINISMO. Não há só um ou só outro. O que é consequência do passado (já escrito) não pode ser mudado. A gente se comove diante dos dramas, mas é a Lei Divina se cumprindo – é a Lei do Retorno. Ninguém brinca! Ninguém brinca! Ninguém brinca com a Lei de DEUS! De erro em erro a criatura, pelo sofrimento, se integra no Criador. É o sofrimento, é a dor que transforma a criatura. Um corta o braço o outro, a cabeça. Os que fazem mal são construtores da própria desgraça. Só o sofrimento transforma o homem ou a mulher má. E a mulher, quando dá para ser má, é pior do que o homem – é a astúcia requintada. Por isso, hoje em dia, o único casamento que presta é com Legionário. 

  REENCARNAÇÃO 

  Uma vida só não poderia proporcionar ao homem a perfeição, daí a necessidade das reencarnações. Paulo errou aí, pois dizia que ao homem é dado viver uma só vez e depois esperar o Dia do Juízo. Então, se 
nasceu surdo, mudo, paralítico, como é que vai ser julgado? Paulo é primoroso nisso – o único erro foi esse. Não há um só Apóstolo perfeito. João também errou. 

  SOMOS CORPO, ALMA, ESPÍRITO. 

  Até aqui só se falava em corpo e alma, mas O HOMEM E A MULHER SÃO UM COMPOSTO DE ESPÍRITO, ALMA E CORPO. 
  Espírito – é a individualidade, é o EU central. A parte que desde a nossa origem nunca mudou e jamais mudará. 
  Alma – é a região do intelecto onde se geram os pensamentos, é a parte que está em constante mudança: é a personalidade. 
  O melhor exemplo é o do colar: o fio é a individualidade, cada conta é uma personalidade. O colar todo é a unidade total do espírito. 

  MEU REINO NÃO É DESSE MUNDO 

  São até ridículas certas afirmações de preceptores espirituais avançados que dizem que, desde a criação, só houve três reuniões dos Cristos – ou três reuniões Crísticas. Mas não é bem isso. E a coisa foi feita de tal forma (a divulgação dessas pregações) que os positivistas ensinaram que JESUS não queria nada com a Terra, não gostava mesmo da Terra, tanto que Ele mesmo disse: “Meu Reino não é desse mundo”. 
Claro que não é assim, houve outras reuniões. É como o Presidente que, de vez em quanto, vem ver como estão as coisas, e quem impede isso? Se eu estou lá prisioneiro lendo (que por mim não faria, mas faço para 
facilitar para vocês, pois precisa ficar escrito) e saio do cantinho. Vou à fonte de todos os autores, filosofias. Só a Doutrina do Novo Mandamento pode dizer o que está certo ou errado, por isso, tenho de ir a todos. E é interessante que não há um livro ruim que não tenha uma página deliciosa, o resto é fantasia. 

  A ALMA MUTÁVEL 

  A parte do nosso ser que está em constante progresso e mudança é a Alma. O Espírito está em ligação mais direta com DEUS. 
  A mente carnal, intelectual, é a vestimenta do Espírito e o Corpo é a roupa da Alma; os três vêm a ser a mesma coisa em diferentes graduações, como água, vapor e gelo. A Alma só anima a cabeça, enquanto que o Espírito anima todo o Corpo, principalmente a cabeça. 
  Em Nilópolis, aconteceu uma magia da mais alta importância. Foi a vitória da mística Legionária, anti-sectária, universalista – foi essa mística que venceu. Fiquei orgulhoso da Família Legionária. Eu que estava com medo que não passassem no teste. 
  O corpo está para a Alma assim como a Alma está para o Espírito. Aí já se pode entender a chamada queda de Adão. Não era um só homem e uma só mulher como pensava Paulo. ERAM CORRENTES DE RAÇAS. Se fosse um casal, como explicar a raça negra? O negro não pode nascer do branco. É que DEUS pôs casais de todas as raças e cores em todas as partes do mundo habitado. 

  A QUEDA DE ADÃO 

  A queda foi de uma raça. Na sua origem, o homem vivia conscientemente na parte espiritual de si mesmo e caiu pelo erro, descendo à parte exterior ou material. Parece que Adão fez coisas monstruosas, mas tudo o que fez resume-se nisso: trocou o Amor Espiritual pelo amor material, rastaquera. Aí está o pecado de Adão e Eva: inverteram a Lei de DEUS, o “Buscai primeiramente o Reino de DEUS e a sua Justiça e todas as coisas vos serão acrescentadas”. Se não há amor espiritual ocorrem os desvios. Se o homem só quer agarrar, não tem amor, é a queda de Adão – desce do espiritual para o material, que é nojento. Sem amor espiritual, não há amor sexual porque depois do ato, a pessoa pensa: e agora? Estou casado com essa jabiraca!... (tanto o homem como a mulher). Adão subverteu a Lei de DEUS colocando as coisas materiais acima das espirituais. Adão deixou-se guiar pelo intelecto e sua mente carnal passou a governar a mente espiritual. Daí o pensamento de Paulo: “Amar as coisas materiais (intelecto) é morte (doença) e AMAR AS COISAS ESPIRITUAIS, É VIDA PERMANENTE, É PAZ”. 
  O homem (ou mulher) é, portanto, mente espiritual, mente carnal e depois, corpo. Sabendo disso, o pensamento do homem e da mulher passará a CRIAR EM HARMONIA COM DEUS. 
  Devemos deixar de lado essa bobagem de pensamento negativo e positivo. Será que o autor inventou algo que JESUS não inventou? Algo que não está nas Sagradas Escrituras? 

  HÁ DUAS ESPÉCIES DE PENSAMENTO 

  O pensamento espiritual - é o espírito; é o da individualidade. 
  O pensamento carnal ou intelectual é o dos cinco sentidos – apenas da personalidade, daqueles que procuram vencer as doenças, os infortúnios, com a ciência da dialética comunista. São os que só 
acreditam no que veem. 
  Os do pensamento espiritual ouvem a palavra de DEUS e procuram tornar-se crianças para aprender e receber a luz pela irradiação direta do Paráclito ou Espírito da Verdade. 
  Todos têm de escolher entre o pensamento espiritual e o carnal. O espiritual é o pensamento do CRISTO de DEUS. O positivo é o pensamento sifilítico. 
  Para ser verdadeiramente sábio, o homem não precisa ler muitos livros. JESUS não leu nada. Ruy Barbosa leu tanto para ser sábio e ficou tão distante de JESUS... Coitado! Só conheceu o JESUS da ICAR. E como 
ensinou Paulo: “O homem material não aceita as coisas do espírito, que se discernem espiritualmente”. A loucura de DEUS é sempre mais sábia que o homem (por mais sábio que se julgue) porque O PARÁCLITO NOS ENSINA E É A FONTE DE TODO O CONHECIMENTO ETERNO. 
  O intelecto (mente carnal) argúi sempre – pergunta sempre, mas só nos dá falsas informações. Mas o espírito (mente espiritual) haure a Verdade nos arcanos de DEUS e a revela seguramente. Não dá falsas 
informações porque as recebe pelos canais da mente espiritual. 

  OUTRORA, PELA IGNORÂNCIA DO NOSSO EU REAL, DEIXÁVAMOS O 
PENSAMENTO VAGAR AO ACASO, SEM RUMO (errar é o pensamento 
vagabundo). 

  Mas isso traz consequências ruins – é o pensamento não-governado que está à mercê de qualquer golpe (é oficina de Satanás). As piores ideias entram na hora do vazio. Cuidado, portanto, com o pensamento 
erradio porque ele está construindo o próprio destino. O ALFAIATE DO DESTINO É O PENSAMENTO: é a tesoura cortando, é a máquina cosendo a roupa material, a vestimenta, como faz o alfaiate. Só que o 
PENSAMENTO É O ALFAIATE QUE NOS FAZ UMA ROUPA PARA TODA UMA ENCARNAÇÃO. 
  Outrora, nossa atenção estava exclusivamente voltada para o exterior de nosso ser: a parte material - Adão. Orientava-se unicamente pelos cinco sentidos: visão, olfato, gosto, tato e audição. Todas as informações 
vinham dessas fontes precárias que não podem trazer nada de DEUS. 
  Hoje, tudo é tato, todo mundo só vive às apalpadelas – ou gosto – o povo só vive para comer. A coisa que mais detesto é comer, é algo que me envergonha, mas é meu tributo. Até JESUS cumpriu a lei – foi batizado com água de chulé no Jordão. E toda comida da Terra é chulé. Comer é prova da nossa bestialidade, inferioridade. 

PENSAMENTOS ERRADOS SÓ PODEM GERAR DESTINOS ERRADOS. 

Aqui embaixo não há pureza. Só lá em cima. Aqui é impraticável. 

  NÃO HÁ TEMPO PARA AGREDIR, PARA VIVER NA ANTROPOFAGIA. Esse é o recado de NOSSO SENHOR JESUS CRISTO, gostem ou não gostem. 
  O que pode esperar uma moça que pensa no mal, no dinheiro? Que diz que virgindade dá câncer para justificar que já não é... E vive buscando só o prazer sexual... O homem que também se masturba... Que só pensa na posse material... E o que pode vir dessa masturbação? Só pensamento doentio. A masturbação é condenada por DEUS tanto que, lá no Velho Testamento, DEUS fulminou Onã que jogava fora o 
poder criador do esperma, e hoje estão aí no mundo os continuadores de Onã. Temos de atacar diretamente esses problemas porque faz um mal terrível à saúde – é um mal traumático. Um é um só, e não dois – então, 
na masturbação, é a posse de si mesmo, e uma burla à LEI DE DEUS. É preciso que eu toque nesses assuntos. E não guardarei nenhum segredo sobre tudo o que existe porque os sexólogos que tratam desses 
assuntos, veem tudo pelo prisma material. Só veem corpo e às vezes Alma, mas não consideram o Espírito da pessoa. 
  Aos que ainda vivem assim é aconselhável uma parada para reflexão, mudança de atitude. É necessário que pensem: DEUS ME AMA E, PORTANTO, FAREI TUDO O QUE DEUS ME ACONSELHA. Ele me dará forças para vencer e para fazer a transmutação. Até que, integrado totalmente nas LEIS DIVINAS, possa dizer: DEUS ME AMA E JÁ APROVA TUDO O QUE EU FAÇO. Quando você puder dizer isso, já venceu tudo. 

  A EDUCAÇÃO SEXUAL 

  Tem de haver desde cedo porque a menina descobre logo a diferença: que o Paulinho tem uma coisa que ela não tem. A mãe tem de ensinar que ela tem também uma coisa que ele não tem, senão vem o complexo 
de castração. Só com a habilidade do CEU podemos educar porque, sabendo dizer, não choca. Todo o aparelho genital do homem é para fora, enquanto que o da mulher é projetado para dentro. Daí a mulher 
ser mais requintada, mais sensível e ter superioridade mental. Mas são, também, mais perigosas quando voltadas para o mal porque escondem o jogo, enquanto o homem mostra o jogo. As doenças, na mulher, são 
perigosas porque ficam escondidas. Levam muito tempo para aparecer. 

  O PODER DO BOM PENSAMENTO 

  Só o bom pensamento pode vencer o medo, a inveja, o ódio - sentimentos que levam à morte – porque vence todas as doenças. DEUS não pode andar por nós; não somos autômatos. Se não deixássemos 
nossos filhos no chão, só os carregássemos, eles não aprenderiam a andar nunca. Temos de cair e levantar para aprender. São os erros que cometemos e depois nos levam a sofrer para aprender. 
  Não precisamos pedir que DEUS nos ilumine, como não precisamos pedir ao Sol que brilhe para ele brilhar. O QUE TEMOS DE PEDIR A DEUS É ENTENDIMENTO ESPIRITUAL PARA COMPREENDER QUE DEUS ESTÁ NOS ILUMINANDO. Só o pensamento errado (positivo com três cruzes de sífilis) é que pode evitar que DEUS nos ilumine, porque com esse pensamento não estamos querendo e impedimos isso. 

  O ESTUDO CONSTANTE DO PRESIDENTE ALZIRO ZARUR PARA NOS 
  POUPAR O TRABALHO E ORIENTAR SOBRE TUDO O QUE EXISTE 

  Sou obrigado a ler para poupar esse trabalho a vocês. Esse livro todo assinalado é da Cristian Science, Ciência Cristã. A criadora dessa seita ensina a cura mental pelo conhecimento das Escrituras. Está cheio de 
erros. Por exemplo: ela diz que não há mediunidade, nem dons... e outros erros. Porém, sabemos que tudo isso existe e que para a cura, DEUS quer precisar de nós. A criadora da seita cobrava as aulas (300 dólares por aluno) para fundar a igreja. Quando morreu tinha dois milhões de dólares. Ela estava errada? Não. Porque o que não recebe de graça, que é fruto de canseiras, não sou obrigado a dar de graça. Sem preço ninguém dá valor – dizem: de graça só pode ser porcaria. Se eu fosse cobrar o que sei, a LBV estava rica. Para vocês eu dou, mas os de fora, vão ter que pagar. Se for em benefício da obra, não permitirei que 
debochem por ser de graça. 

  O CASO DO SUPER GURU 

  O sucesso todo é porque recebeu o impacto da mística. Foi tudo preparado e lançado sob a mística. Na LBV, entretanto, a modéstia legionária não deixa aparecer nada. É hora de botar tudo para fora para que os recursos venham, e podermos levar o Evangelho e o Apocalipse para os povos e nações. O 

  PENSAMENTO E O DESTINO – II 

  DEUS criou o homem – o homem cria seu próprio destino pelo pensamento. DEUS nos criou simples e ignorantes; depois, pelo pensamento, criamos o nosso destino. 
  O CEU tem por finalidade revelar e desenvolver os poderes desconhecidos de cada um de seus integrantes neste curso de Alta Liderança Espiritual. NÃO HÁ NADA MAIS ELEVADO, NEM MAIS ADIANTADO DO QUE ISSO NA FACE DA TERRA. 
  E esse curso de Alta Liderança Espiritual é ditado pelo Paráclito. SÓ O CONHECIMENTO DA VERDADE NOS LIBERTA DOS ERROS EM QUE NOS AFUNDAMOS QUANDO NÃO CONHECEMOS A VERDADE. Quem conhece a Doutrina do CEU não se deixa levar por Positivismo, Cristian Science ou Ocultismo. Por que Ocultismo e não Cristianismo? Porque até no terreno espiritual existe comércio. Ocultismo e não Cristianismo porque o povo vê que vem do Cristo e isso não faz vender livros. Ocultismo vem de oculto, segredo, que logo atiça a curiosidade do povo. Os inimigos ficam doentes, porque o Irmão Zarur explica tudo. Então, viva a LBV que veio revelar, que veio espalhar a Verdade, que veio mostrar como é... Que não veio esconder nada. Veio desocultar, desvendar, descobrir. O que estão fazendo é escondendo do povo as coisas fundamentais para sua vida, por isso, os inimigos não me querem lá fora. 

  OS ACORDOS DA PAZ 

  Quando os jornais falaram em “acordo para a paz”, eu disse que era piada; e em “acordo para a não fabricação de armas nucleares” também sabíamos que encontrariam uma forma de continuar se armando. E os jornais noticiam agora que a Rússia está aperfeiçoando as armas atômicas (já que não pode fabricar). 

  DÚVIDA SOBRE CONFÚCIO E A REGRA ÁUREA 

  Todos os missionários: Buda, Confúcio, Kardec, Lutero, vieram mandados por JESUS. Também eu sou papagaio de JESUS. Muitos dizem que aquilo que JESUS ensinou já tinha sido dado por Confúcio, Buda... 
mas isso não importa a Jesus. O que preocupa o MESTRE é A ESSÊNCIA DA DOUTRINA QUE TRANSFORMA O ESCRAVO EM LIVRE PELO CONHECIMENTO DA VERDADE. 
  Tudo o que os “mestres” sabem, aprenderam com JESUS! Quando JESUS disse que João era o maior dos nascidos de ventre de mulher, JESUS examinou toda a obra por ele realizada. Como João, só veio 
anunciar JESUS e lá se foi (e isso não é nada de mais)... Também batizou JESUS nas águas de chulé do Jordão... Que fez João para justificar a definição que lhe foi dada por JESUS? JESUS, porém, via seu 
trabalho como MOISÉS, que não foi criado na Terra, veio pronto e acabado de cima – não evoluiu aqui, assim como JESUS. A humanidade daqui é a mesma porcaria de sempre. A parte mais evoluída está aqui. 
Até Comte achou que Paulo era mais inteligente que JESUS e Moisés também era mais inteligente que ELE – porque Paulo escreveu 14 epístolas enquanto JESUS não escreveu nenhuma. E esse escritor, José 
Mauro de Vasconcelos, achou que JESUS imitava Buda. Acontece que JESUS foi quem ensinou Buda. 
  O conhecimento da Verdade nos liberta de todas essas concepções erradas. Tenho certeza que todos vocês, através desses conhecimentos do CEU, se libertam pelo conhecimento da Verdade: dominam o sexo, o fumo, a bebida... Não vão pela cabeça de ninguém, mulher nenhuma os domina, porque SEU PADRÃO DE CONDUTA CHAMA-SE: O CRISTO DE DEUS! 
  Temos pena do fumante que sente falta da nicotina, não consegue dominar o diabo do cigarro, não tem força – como os viciados em drogas ou bebida. O Legionário não precisa disso porque não é nenhuma droga 
ambulante. O Legionário domina droga, fumo, vinho, “whisky”, sexo. DOMINA TUDO COM A FORÇA QUE DEUS LHE DÁ. 

  DOUTRINA DO CEU – BÚSSOLA DA LIBERDADE 

  O estudo da Doutrina do CEU vai longe, muito mais longe do que podem supor os espíritos sectários. Quando não havia bússola, os homens não podiam se afastar muito com seus navios da costa. Com a 
descoberta da bússola, porém, o homem tornou-se senhor dos mares. Também, antes da descoberta do avião, o homem não podia locomoverse pelos ares; com a descoberta de Santos Dumont, porém, tornou-se 
senhor dos ares e hoje vai até a Lua. Pois, o que os homens não conseguem com os poderes materiais, é perfeitamente possível com o conhecimento das Leis de DEUS. Alguns aqui, se souberem perseverar, 
irão até o Sol, Marte, Vênus, Júpiter, sem bússola, sem avião, sem aeronave espacial, sem gastar nada. 

  EXPERIÊNCIA 

  Ia fazer hoje a experiência: ir ao Sol, ao planeta Marte, sem avião nem aeronave. Não é mais vantagem ir sem gastar bilhões que fazem falta aos que estão na Terra? Nós vamos fazer isso. É muita audácia, 
mas, de acordo com os nossos princípios científicos, alguns farão isso em espírito: COM A BÚSSOLA DA VERDADE, O AVIÃO DO EVANGELHO E A AERONAVE INTERPLANETÁRIA DO APOCALIPSE. 
  Por que alguns e não todos? 
  Porque a semente foi lançada – é preciso receber alimentação pela raiz e folhas; é preciso que não seja cortada antes do tempo, que haja condições para a sua germinação. As pessoas se assemelham à 
semente. SÓ PODE EVOLUIR QUEM APRENDEU A SE INTEGRAR EM DEUS. 
  O espírito integrado em DEUS, mesmo estando em forma corpórea, está acima das leis naturais – não se abala, porque permanece na pureza. 
  Assim, como apenas um sol ilumina o mundo, também um só Espírito ilumina os Espíritos. Assim, AQUELE QUE CONHECE O PENSAMENTO CARNAL E ESPIRITUAL, LIBERTA-SE DA ALMA (PENSAMENTO CARNAL) E, PELO PENSAMENTO ESPIRITUAL, SE INTEGRA EM DEUS! 
  Isso explica o nosso trabalho: se todos estivessem no mesmo grau, seria mais fácil. Porventura, TODOS JÁ SABEM DOMINAR SEU PENSAMENTO PARA VENCEREM SEUS PROBLEMAS? 

  A IMPORTÂNCIA DO PENSAMENTO 

  O pensamento é uma coisa tão real quanto um objeto – relógio, corpo, copo, etc. O microfone é um pensamento materializado pela invenção do homem. Tudo o que existe vem do pensamento. Se vocês 
querem saber a importância do pensamento, saibam isto: se uma pessoa pensar em alguém com muito ódio, ela passará mal como quem levou uma pancada – é muita macumba. Mas como na LBV não há aprendiz de feiticeiro (o aprendiz sabe fazer, mas não sabe desmanchar), nós sabemos fazer e também desmanchar. 

  FÓRMULA 

  Se você se sente mal porque algum inimigo está vibrando contra você, a solução é: entrar no Silêncio, chamar sua Gente da Gloriosa Falange (e na Falange tem de tudo; gente que vai por bem e gente que 
vai “no tranco”) e pedir que levem tudo embora, DEVOLVAM AO PONTO DE ORIGEM. Pensamento é coisa como relógio, óculos, abajur, poste. O próprio Universo é projeção do pensamento de DEUS. Quem quiser agir bem, tem que falar bem porque pensa bem. Daí, a pessoa vai receber de volta a quitação pela Lei do Retorno. O pensamento é tão real como uma barra de ferro. 

  TUDO É PENSAMENTO 

  Os menestréis surgiram do pensamento de alguém que quis homenagear a JESUS. Assim, o violão, o copo, a própria revista que transmite o pensamento é criação do pensamento. O mundo pertence aos pensadores. Você pode dizer: mas quem sou eu? Se sozinho você tem força, com mais de 600 mil na LBV você terá a força de todos eles. Já vimos que os pensamentos são tão reais como a pedra, a água, o fogo, o ferro. 
  PELA FORÇA NATURAL DE QUE SÃO DOTADOS, OS PENSAMENTOS PODEM MUDAR SUA VIDA AGORA. Não precisa esperar que as coisas melhorem, porque as coisas melhorarão quando você mudar seus pensamentos. ASSIM COMO A QUALIDADE DO AR TEM INFLUÊNCIA SOBRE O DESENVOLVIMENTO DO CORPO FÍSICO, A QUALIDADE DOS PENSAMENTOS TEM GRANDE INFLUÊNCIA NO CORPO ASTRAL. Assim, o pensamento vai até o corpo astral e age sobre ele (aí está o perigo do pensamento errante, vagabundo). 
  Está nas mãos de vocês melhorarem a vida quando quiserem. É só saber manejar a força do pensamento. Por exemplo: mentalizar a cura na hora. Se um pensamento só, tem tanta força... imaginem trezentos, 
quinhentos, mil pensamentos. Daí a força da CORRENTE DA BOA VONTADE... São seiscentos mil... 
  O dia em que vocês souberem usar o pensamento, todos os obstáculos serão removidos na parte do livre-arbítrio porque, na outra parte que é o destino (que já está escrito), não pode alterar – só em caráter especial, que direi em segredo. 
  ASSIM COMO A FORÇA DE UMA AÇÃO REMOVE OUTRAS AÇÕES, A FORÇA DE UM PENSAMENTO REMOVE OUTROS PENSAMENTOS. As ações do mundo são consequência dos pensamentos. Os bons pensamentos geram boas ações e os maus pensamentos geram más ações. 
  Não basta termos bons pensamentos para vencermos a doença, por exemplo. Temos que imprimir ao pensamento aquela FORÇA DA FÉ QUE REMOVE MONTANHAS. 
  Daí a força da LBV que tem a força dos nossos pensamentos congregados. Muita gente tem bom pensamento, mas para quê? Têm de pensar com força, com FÉ; daí sim, vocês vão fazer milagres. Por isso, 
JESUS disse que a FÉ remove montanhas – porque o pensamento com FÉ tem força.Não é com um soco que se remove uma montanha. Tem de haver bastante força. Também é necessário que o pensamento tenha 
força. Tem de congregar a força com JESUS, com A SAGRADA FALANGE. 
  Já ficou demonstrado na Doutrina do CEU que a saúde depende dos pensamentos de cada um. Quando se trata do crescimento da planta, a qualidade da semente, a qualidade do solo e a da atmosfera influi no seu 
desenvolvimento. Para o pensamento é necessário também o solo onde o Espírito lavra, semeia e colhe. QUANTO MAIS ELEVADO O ESPÍRITO, MAIS NOBRES SÃO OS SEUS PENSAMENTOS. O bom agricultor sabe melhorar as condições do solo. Quanto mais elevado o Espírito, mais 
sabe melhorar seus próprios pensamentos que constituem seu solo 
interior. 
  EVITEM CONVERSAR SOBRE DOENÇAS. É um perigo para as pessoas influenciáveis. Após a descrição, a pessoa adquire, pelo pensamento, a doença. AS PESSOAS, PENSANDO CONTINUAMENTE EM DOENÇA, CRIARAM A PRÓPRIA DOENÇA. Em vez disso, o Legionário não pensa em doença, não fala em doença (se surge, você tem que botar para fora). Há pessoas que gostam de descascar feridas. Não pensem na doença. Mentalizem a saúde de ferro que precisam para comandar o barco, em casa, na LBV, na repartição. 

CUIDADO COM OS PENSAMENTOS DE MEDO! 

CUIDADO COM OS PENSAMENTOS DE MEDO! 

CUIDADO COM OS PENSAMENTOS DE MEDO! 

O medo é o pai do câncer. 
O medo é a mãe do câncer. 
O medo é o pai e a mãe do câncer. 
Começa na úlcera, degenera no câncer. 

 OS PENSAMENTOS QUE TEMOS NO SENTIDO DO BEM, ATRAEM O BEM-ESTAR, enquanto os pensamentos de ódio e inveja são ótimos para atrair doença. 
  Esses pensamentos turbam a circulação do sangue, atacam o coração e nasce a leucemia. Quem cultiva pensamentos de destruição está se destruindo. Mesmo com os inimigos é preciso bom pensamento. Temos 
de fazer a legítima defesa – mostra o que são, mas deixa-os apodrecer na maldade, porque o câncer já está com ele. Entrega a DEUS os que se comprazem na calúnia, na difamação. 

  Bom pensamento que o Legionário tem de ter: 

  “EU SOU FILHO DE DEUS, POR ISSO, SEI QUE CONSERVO BOA SAÚDE E DEUS ME DARÁ FORÇAS PARA VENCER TODAS AS SITUAÇÕES MALÉFICAS DA VIDA, PORQUE VIVO DE ACORDO COM AS SUAS LEIS”. 
  EVITEM O MEDO, POIS O MEDO NÃO É PRÓPRIO DA ALMA LEGIONÁRIA. PENSAMENTO É PRECE! Vocês vão ver uma pessoa melhorar em 10 minutos quando fizermos a experiência. Há a prece 
solitária e a prece coletiva. 

  DEUS É O BEM! O BEM TEM DE ESTAR EM NÓS, NÃO HÁ MAL NA MENTE DE DEUS, NÃO PODE HAVER MAL NA NOSSA MENTE. 

  SEGREDINHO FINAL: 

  O Novo Mandamento só deve valer para a Família Legionária. Para os inimigos ainda é o de Moisés: “Olho por olho, dente por dente”. Devolva a macumba na hora pela Lei do Retorno – já fica quite. 
  O Amai-vos é só para nós e só vai vigorar no Terceiro Milênio. Até lá é: “Olho por olho, dente por dente”. Lei que está em pleno vigor até 1999. 

PARA OS AMIGOS TUDO, PARA OS INIMIGOS A LEI. 

O Cristianismo Verdadeiro só começará no dia 1º de janeiro de 
2000. 

PENSAMENTOS ERRADOS SÓ PODEM GERAR DESTINOS ERRADOS

Aqui em baixo não há pureza. Só lá em cima. Aqui é  impraticável: não há tempo para agredir, para viver na antropofagia. Esse é o recado de NOSSO SENHOR JESUS JESUS CRISTO, gostem ou não gostem.
O que pode esperar uma moça que pensa no mal, no dinheiro, que diz que a virgindade da câncer para justificar que já não é, e vive buscando só o prazer sexual. O homem que também se masturba, que só pensa na posse material, e o que pode vir dessa masturbação só pensamento doentio. A masturbação é condenada por DEUS, tanto que lá no Velho Testamento DEUS fulminou Onã que jogava fora o poder criador do esperma e hoje estão aí no mundo os continuadores de Onã. Temos de atacar diretamente esses problemas porque fazem um mal terrível à saúde - é um mal traumático, um é um só e não dois - então a masturbação é a posse de sí mesmo, é uma burla à LEI DE DEUS. É preciso que eu toque nesses assuntos e não guardarei nenhum segredo sobretudo o que existe, porque os sexólogos que tratam desses assuntos vêem tudo pelo prisma material. Só vêem corpo e as vezes alma, mas não consideram o espírito da pessoa.
Aos que ainda vivem assim, é aconselhável uma parada e reflexão, mudança de atitude. É necessário que pensem: DEUS me ama e portanto, farei tudo o que DEUS me aconselha. Ele me dará forças para vencer, e para fazer a transmutação, até que, integrado totalmente nas LEIS DIVINAS, possa dizer: DEUS ME AMA E JÁ APROVA TUDO O QUE FAÇO. Quando você puder dizer isso, já venceu tudo.
                                                                                            ALZIRO ZARUR