"A TRADIÇÃO DOS ANTIGOS E A DOS CRISTÃOS"
Espírito da Verdade - Alziro Zarur

P – Nosso Posto deseja focalizar, na Cruzada do Novo Mandamento, estas palavras de Jesus: “Nada há fora do homem que, entrando nele, o possa macular Não é o que entra na boca do homem que o torna impuro: o que sai da boca é que o macula”. Como o Espírito da Verdade interpreta esse ensinamento do Mestre?
R – Os costumes aditados às Leis Reais é que constituíam a tradição dos antigos: o termo "costumes", aqui, indica TODAS AS DOUTRINAS, PRESCRIÇÕES, PRECEITOS E MANDAMENTOS CRIADOS PELOS HOMENS E POR ELES ESTABELECIDOS. Por Leis Reais designamos as Leis Divinas que, em obediência à vontade do Senhor, foram reveladas aos hebreus por Moisés. Vós outros, CRISTÃOS DO NOVO MANDAMENTO tendes igualmente a vossa tradição dos antigos, representada pelas doutrinas, prescrições, preceitos e mandamentos que os homens formularam, alterando, deturpando falseando com os seus acrescentamentos, a Lei Divina que, em obediência à vontade de Deus, Jesus lhes revelou, durante o desempenho da sua missão terrena. Mas aquela Lei – com exclusão de qualquer outra – se contém integralmente na palavra do Cristo que, velada pela letra ENQUANTO ISSO ERA NECESSÁRIO, constituiu a base, a fonte e o fundamento da Nova Revelação, que vem explicá-la, desenvolvê-la e fazê-la compreensível, na época marcada pelo Senhor para  o  advento  do   ESPÍRITO QUE VIVIFICA, SUBSTITUINDO A LETRA  QUE  MATA. Assim como Jesus veio combater, entre os judeus, a tradição dos antigos, arrancando desse modo toda planta que não foi plantada pelo Pai Celestial, TAMBÉM HOJE O ESPÍRITO DA VERDADE QUE REPRESENTA O CRISTO DE DEUS, VEM COMBATER ENTRE VÓS TUDO O QUE CONSTITUI A TRADIÇÃO DOS ANTIGOS, ARRANCANDO   IGUALMENTE   TODA   PLANTA QUE  PELO   SENHOR   NÃO  FOI   PLANTADA. O que Jesus disse aos escribas e fariseus daquele tempo se aplica aos escribas e fariseus de hoje - repelindo e rejeitando a Nova Revelação, trazida aos homens pelos Espíritos do Senhor, órgãos do Espírito da Verdade – se esforçam também por manter a tradição dos antigos, honrando a Deus com os lábios, ensinando doutrinas e mandamento humanos! Entendei: DEUS PODE ADMITIR A PUREZA EXTERIOR, QUANDO VÊ. QUE O CORAÇÃO ESTA SUJO? PODE ACEITAR O CULTO DOS LÁBIOS QUANDO VÊ QUE O CORAÇÃO ESTA CHEIO DE HIPOCRISIA? PODE ABENÇOAR O HOMEM E PERDOAR-LHE, QUANDO VÊ QUE ELE AMALDIÇOA E SE VINGA? Eis por que vos dizemos: honrai a Deus do fundo de vossos corações, vivei a Lei do Amor sintetizada no Novo Mandamento; não sejais sepulcros caiados por fora.  Então, sim, estareis limpos integralmente, não apenas porque lavastes as mãos ou o corpo.



Nenhum comentário:

Postar um comentário